11 de novembro de 2011

Horcruxes

Olá pessoal!!!
Uouuu, acho que essa é a expressão para esta semana comemorativa do Universo Compartilhado!
Quero pedir desculpas pelo humilde post que eu fiz ontem. A correria está demais, mas estou cumprindo minha promessa de publicar alguma coisa legal todos os dias, até 14 de novembro, data de aniversário do meu amigo virtual.
Bom, hoje quero falar de um músico, que pelas suas várias facetas, merece reconhecimento.


Lucas Silveira, além de vocalista da Fresno, tem diferentes pseudônimos musicais. Um dos diversos trabalhos é o projeto Beeshop, nele o cantor compõe músicas (em inglês) que falam de situações que não se encaixariam no som que ele produz com a galera que faz parte de sua principal banda.
Esse trabalho individual já é conhecido por muita gente, principalmente pelos fãs, mas ele não se contentou e lançou outros projetos, com alteregos diferentes, por isso o título deste post (pra quem não sabe Horcrux é uma das mais perigosas magias das trevas, descritas nos livros da saga Harry Potter, praticada por um bruxo que deseja dividir sua alma em vários fragmentos para se tornar imortal, ele só poderá ser morto por alguém que conseguir destruir todos os objetos onde este feiticeiro depositou as partes de sua alma).
Ultimamente eu não tenho acompanhado de perto os trabalhos da Fresno, logo não sabia da existência de outros pseudônimos do rapaz.
Um dos diversos projetos existentes (ainda sem disco gravado) eu já conhecia, mas não imaginava que a música "Diga" pertencia ao cantor intitulado Visconde.
Agora um outro projeto que eu gostei bastante, até pelo gênero musical escolhido, é o chamado SIRsir. Sempre achei legal músicos brasileiros que se aventuram no gênero eletrônico, destaque para o trio Dexter´s.
Então é isso blogueiros, fiquem com os vídeos dos vários Lucas Silveira(s). 


SIRsir

Fresno

Beeshop